Categoria: Inspire-se

DIY: Coroa de Arame

Oi meninas, tudo bem? Hoje eu trouxe pra você um DIY super bacana.  É bem simples de fazer e, para isso, você só vai precisar de arame (desses que usamos pra fazer coisinhas de bijouteria) e de um alicate para moldar (dependendo do arame, você consegue moldar com a mão mesmo). Confiram o passo a passo: 

As coroinhas ficam lindas, né? Me lembra aquelas fotos de tumblr, haha. 
Bom meninas, é isso, espero que tenham gostado da ideia. 
Um beijão e até a próxima. 

Duas garrafas de Vinho

Eu sei, eu sei. Vocês devem estar achando o título do texto super sem sentidoe sem relação nenhuma com a imagem, mas é só ler todo o texto e entender. Pretendo continuar o texto, como se fosse uma série, mas só se vocês gostarem…Não sou muito de escrever, acho que coloco emoção demais no texto e acaba virando um dramalhão. Mas enfim, está aí minha tentativa de um texto, depois de muito tempo sem escrever haha.
Espero que gostem, e quero saber a opinião de cada um nos comentários. 

Duas garrafas de Vinho

Acordei bem cedinho, não tão disposta, claro, e com aquela vontade de morrer. Mas também convenhamos, com a noite que tive eu deveria estar era enterrada. Mas enfim, de qualquer forma acho que não poderia estar tão bem assim. No banho, as lembranças martelavam em minha mente, cada lágrima era um pedaço da dor escorrendo pelo rosto. Assim que saí do banho, enxuguei-me em frente ao espelho. Ao passar a toalha em meu rosto pude ver o quão “acabada” eu estava. Mas será possível isso? Eu já não me reconhecia mais, meus olhos inchados, meu cabelo desarrumado. Foi então que caí em plena consciência e vi que isso tudo estava indo longe demais.
As coisas não podiam continuar da forma como estavam, eu não podia continuar assim, afinal a culpa não foi minha. Decidi então, sair de casa na tentativa de um dia melhor. Peguei o casaco, os óculos escuros e a bolsa. Saí sem rumo vagando pelo centro da cidade com cara de morta, sabe? Até encontrar uma pracinha, bem charmosa e bem calma por sinal, acabei ficando por lá mesmo.
Abri a bolsa pensando em pegar o celular para ouvir algumas musicas que me acalmassem, mas achei algo bem mais interessante. Encontrei uma agenda pequena, que eu usava para anotar telefones ou algo importante. Procurei como uma louca uma caneta, lápis ou algo que desse para escrever, mas só encontrei um lápis de contorno para lábios e foi ele mesmo que usei.
Comecei escrevendo sobre uma garotinha que havia sido abandonada, mas aí a palavra ABANDONADA veio como um tiro em mim. Notei que escrever aquilo não me faria muito bem, ainda mais na situação em que eu estava. Antes que eu mudasse o rumo da história, ou tentasse escrever algo novo, uma garota sentou ao meu lado.
Sabe, não sou muito de me ligar em detalhes ou observar pequenas coisas, mas confesso que algo nela me chamou bastante a atenção.
Ignorei a presença da garota ao meu lado, por pouco tempo mas ignorei. Ao olhar para minha agenda na tentativa de escrever algo que me alegrasse notei que ela estava batendo os dedos, uns contra os outros. Nunca havia visto ninguém fazendo aquilo, achei bem estranho e logo pensei: Que menina louca. Era como se estivesse nervosa ou ansiosa, mas como nunca fui de me calar, perguntei:
– Ei garota, está tudo bem?
– Sim. Só estou um pouco nervosa.
Eu, como sempre muito atrevida disparei a falar.
-Desculpe minha intromissão, mas posso lhe perguntar o que está acontecendo? Sabe, preciso me distrair. Não ando tendo dias muito bons, e essa talvez seja uma distração para minha mente tão atolada de coisas.
Ela olhou para mim com um ar de espanto, deve ter pensado: “Nossa, como essa garota fala.” Mas muito educada, respondeu:
– Não se desculpe, está tudo bem em perguntar, querida.
Estou bem nervosa, acho que meu namorado vai me pedir em noivado. Não sei como reagir, não sei se estou feliz, triste não sei.
Foi como se a dor de cotovelo desse um tapa na minha cara. Como é que pode uma garota que vai ficar noiva se sentar aqui, bem nessa praça, logo do meu lado? Ainda mais eu, que fui abandonada no altar. É como se a vida caçoasse de mim.
Respirei fundo, sorri e perguntei:
– Nossa, esse é um dos momentos mais lindos da vida de uma mulher. Me conte como tudo começou?
Mentira, eu nem queria saber. Depois que você é abandonada no altar você se arrepende amargamente de ter conhecido o … carinha, só fui educada rezando para o tal namorado chegar logo e sumir com ela daqui.
Mas como sou uma mulher muito educada, apenas sorri e esperei a garota responder.
– Ah, nossa história é linda.
Conheci ele tem 6 anos no ensino fundamental através de uma amiga minha
que nos apresentou. A partir daí começamos uma incrível e diferente amizade.
Conversávamos todos os dias, eu sabia quando ele estava triste, sabia quanto algo estava errado e isso era recíproco…
Hum, pra que fui perguntar? A garota disparou a falar, parecia até… ok confesso, parecia comigo, mas não importa.
Ela me contou tudo, absolutamente tudo, do primeiro beijo até o jantar de ontem a noite dos dois que foi quando ele começou a falar sobre casamento e a convidou para o piquenique em um parque aqui perto, por isso ela está aqui ao meu lado.
De imediato pensei que ela poderia ter confundido as coisas. Já imaginou se ele não pedir ela em casamento? A decepção seria enorme e eu, de certa forma estava passando por isso. Decidi ser mais boazinha com ela.
– Querida, você deveria ir com calma, não acha? Você pode estar confundido as coisas.
A garota olhou para mim com uma cara de desconfiada e perguntou:
-Por que diz isso?
Me deu uma vontade de perguntar se ela queria saber da história, ou queria sair de lá encharcada por minhas lágrimas, mas aí contei a ela que eu havia sido abandonada no altar depois de um relacionamento de 8 anos na noite passada.Ela ficou um pouco indignada e com medo que isso acontecesse com ela, mas logo o namorado dela chegou para minha alegria, ou decepção. Ela se retirou e se despediu com um sorriso meigo porém desconfiado agradecendo pelo tempo de conversa. Eu apenas sorri e fiquei ali afogada com as minhas lágrimas Pensando como isso poderia acabar.
Depois disso o que me restava era voltar a escrever, mas antes que o lápis tocasse na folha de minha agenda um vento que me veio não sei de onde virou todas as paginas até parar em uma que estava com algo escrito no final. Cheguei mais perto e reconheci a letra, era a letra de André, umas das letras mais bonitas que já vi. Então li baixinho o que André havia escritos tempos atrás:
“E quanto tudo estiver perdido lembre-se que eu estarei sempre aqui.”
Seria possível uma simples frase me tirar do fundo do posso?
De imediato liguei para André, marcando um jantar em minha casa a noite.
Fechei a agenda mais do que depressa e a joguei dentro da bolsa. Fui correndo para casa e arrumei tudo para nosso jantar.
A campainha toca. Era André com duas garrafas de vinho nas mãos. Mesmo depois de tantos anos de amizade, André sempre teve a formula certa pra me deixar pra cima desde aquele dia que estava chorando no patio da escola porque o Bruno tinha terminado no nosso ”lance”. Mas afinal, será que ele queria em ver bêbada? Ah, não importa eu precisava disso.
Corri e o abracei.
– Lia. Como você está linda. Ele disse.
-Deixe de ser mentiroso, estou com olheiras indo aos joelhos. Mas entre, temos muito o que conversar.
André sabia de tudo o que se passava em minha vida, inclusive do ultimo acontecimento, mas não quis tocar no assunto, não diretamente.
Conversamos a noite toda, e sim, acabamos com as duas garrafas de vinho. Apesar de bêbada me sentia feliz, principalmente depois de tantas risadas, conselhos e brincadeiras. Foi uma noite tão agradável que era como se tudo de ruim em minha vida tivesse sido apagado.
No dia seguinte acordei bem tarde, com o corpo bem cansado e fui direto para o banho. Assim que saí do banho, enxuguei-me em frente ao espelho. Ao passar a toalha em meu rosto pude ver o quão “acabada” eu estava. Mas era possível isso meu Deus? Cheia de olheiras e o cabelo todo bagunçado. Observei bem aquele ser diante espelho, e dei uma gargalha que com certeza incomodou os vizinhos. Foi então que caí em plena consciência e vi que uma nova vida estava apenas começando…

Continua na próxima segunda.
Espero que tenham gostado, beijos <3

Os 15 anos de Izabel Caroline – II Parte

Olá meninas, tudo bom? Sei que enrolei um pouquinho para postar a segunda parte da festa da Bebel, mas como sabem, andei viajando bastante e a escola não está nada fácil. Enfim, para conferir a primeira parte da festa é só clicar aqui, e ver a primeira parte do post.


A festa aconteceu dia 17 de Agosto e foi tudo muito lindo. O espaço foi super bem decorado, iluminação, comida, tudo impecável. Além de muito bem organizada a festa foi muito animada, super divertida. Adorei.


Fotografei quase todos os detalhes para vocês, mas como não fiquei até tarde na festa, infelizmente não pude fotografar tudo o que queria para o post.


O salão foi superbem decorado, todos os espaços muito bem separados e muitas flores para deixar tudo lindo.


Deu vontade né? Eu sei, eu sei..
A Bel usou três vestidos durante a festa. O primeiro para recepção, o segundo para a valsa e o terceiro para uma apresentação.




Todos lindos né?
Acabei chegando um pouquinho tarde na festa, mas deu para tirar muitas fotos com a Bel e alguns amigos.




A festa foi cheia de mimos e detalhes. Olha só:

O pessoal aproveitou a festa, dançaram bastante na boate mas logo após tive que ir para casa, mas a festa foi ótima.





É isso gente. O post ficou bem grande, mas espero que tenham gostado. Para ver mais fotos da festa é só entrar aqui, na minha página de fotografias.
 Quem quiser ter a festa de 15 anos publicada aqui no blog é só entrar em contato.
Beijão <3

SORTEIO: Sandálias Indaiá, venha participar:

Inspire-se: Looks para o Final de Semana

Olá meninas, tudo bom?
O final de semana já está aí, e como é feriados, todos já temos algo marcado né? haha. Nada melhor do que sair com os amigos, família, viajar…
Por isso, separei alguns looks para que vocês possam se inspirar na hora de sair. Looks para todas as ocasiões e para todos os gotos!
Olha só:

looks modernos femininos 2013 - Pesquisa Google
looks modernos femininos 2013 - Pesquisa Google

moda outono inverno 2013 - Pesquisa Google

Dama de Ferrolooks modernos femininos 2013 - Pesquisa Google

looks modernos femininos 2013 - Pesquisa Google

Agora ficou fácil né? Já podem sair lindas e com looks incríveis! 
Espero que tenham gostado meninas.
 Essa semana o blog vai ficar meio parado pois viajo hoje, mas a Gabi vai cuidar direitinho do ANB.
Volto com muitas novidades para vocês, fotos, e vídeos!
Beijos:*

SORTEIO: Sandálias Indaiá, venha participar: